Redes sociais, em geral, causam polêmica no ambiente de trabalho. No caso do WhatsApp, o aplicativo pode interferir no desempenho profissional e causar até demissões. Seu mau uso pode afetar a produtividade, comprometendo os resultados de uma pessoa ou toda uma equipe. 

Cuidar da linguagem utilizada, para evitar interpretações como assédio, bem como controlar seu uso para que não haja excessos, é primordial. Para garantir isso, bons treinamentos ensinam a lidar de forma saudável com o app.

Para se ter ideia do quão prejudicial o uso excessivo do WhatsApp pode ser, um estudo recente, conduzido no ano passado, nos Estados Unidos, por uma empresa de publicidade para celular, indica que, em média, as pessoas checam o aparelho 110 vezes por dia. 

Imagine isso durante o expediente e veja quanto tempo foi perdido com essa “distração”.

4 sinais de que o WhatsApp prejudica a sua vida

Existem alguns indícios de que você está se prejudicando com o uso excessivo do WhatsApp. Alguns deles são:

1. Dependência psicológica

Você pode sentir falta de controle e sensação de impotência diante do vício de sempre checar o aplicativo. Se você sente que se incomoda se não está online, conversando ou postando imagens, provavelmente já tem uma dependência psicológica do WhatsApp.

2. Falta de foco

Um profissional sem atenção e distraído pode trazer sérios problemas à empresa. Considerada “falta de profissionalismo”, essa atitude de sempre estar ligado ao WhatsApp definitivamente não pega bem.

3. Exposição desnecessária

Você precisa atentar para a forma de se comunicar com a equipe no grupo de WhatsApp. Os termos utilizados devem ser observados, especialmente se o celular utilizado é o da empresa. Lembre-se de que todo esse conteúdo depõe a favor ou contra você e não poderá ser apagado.

4. Comportamento antissocial

Quando uma pessoa negligencia tarefas e perde a qualidade do trabalho devido ao uso excessivo do WhatsApp é preciso atenção. Essa dependência pode, inclusive, trazer prejuízos a convívio social e familiar, bem como aos relacionamentos. A pessoa, em muitos casos, negligencia tarefas para se dedicar a esse “vício”.

Como evitar que o WhatsApp prejudique o seu trabalho

Existem algumas formas de garantir que o uso do WhatsApp se restrinja apenas ao essencial. A primeira delas é observar seu uso profissional e prestar atenção aos termos utilizados.

Mensagens inadequadas ou ofensivas podem gerar processos na justiça e até acusações de assédio. Por isso mesmo, é fundamental dizer o menos possível e sempre com atenção às palavras utilizadas para evitar duplas interpretações.

Outra medida recomendada é conhecer bem a política da empresa. Todas as companhias têm observações sobre o uso de redes sociais e celulares. Se a sua permitir, a dica é usá-los com cautela.

Se você usa o celular da empresa, cuidado redobrado. Lembre-se de que todo o conteúdo gerado e enviado pelo aparelho pode ser examinado pela companhia. 

E aí? Identificou algum comportamento suspeito nessa relação com WhatsApp e redes sociais? 

Todo cuidado é pouco na hora de utilizar essas ferramentas, extremamente úteis e, ao mesmo tempo, com grande potencial para prejudicar sua vida profissional. Mantenha o foco! 

AGENDE SUA VISITA NO CLUB COWORKING

Recommended Posts

No comment yet, add your voice below!


Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *